Lorena Dayse

Minha foto
Enfermeira intensivista , professora de enfermagem, trabalho ha alguns anos como professora, ministrante de cursos de extensão e como professora de preparatorios para concursos publicos.
Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 20 de abril de 2010

CONTINUAÇÃO DO COMENTARIO DA PROVA DE TECNICO


31. De acordo com as diretrizes atuais da American Heart Association (AHA), na Reanimação Cardiopulmonar (RCP), no adulto, a relação ventilação x compressão torácica e o número aproximado de compressões torácicas externas realizadas em um minuto é, respectivamente:
(A) 02 ventilações para 30 compressões, com 60 compressões/minuto.
(B) 01 ventilação para 15 compressões, com 80 compressões/minuto.
(C) 01 ventilação para 30 compressões, com 60 compressões/minuto.
(D) 02 ventilações para 30 compressões, com 100 compressões/minuto.
(E) 02 ventilações para 15 compressões, com 80 compressões/minuto.
LETRA D 2: 30 COM UMA FREQUENCIA ACELERADA DE 100 BPM

32. O período pré-operatório tem, como objetivo, disponibilizar fatores positivos para o ato cirúrgico e estabilizar os que podem interferir na recuperação. São cuidados de enfermagem no pré-operatório imediato:
(A) Remover próteses dentárias exclusivamente dos pacientes que serão submetidos à anestesia geral.
TODOS DEVEM SER REMOVIDOS TANTO GERAL, COMO LOCAL OU RAQUI

(B) Realizar tricotomia na área a ser operada, preferencialmente 1h antes de encaminhar o paciente ao centro cirúrgico.
CORRETO NÃO SE RECOMENDA MAIS A TRICOTOMIA NO DIA ANTERIOR

(C) Encaminhar o paciente ao centro cirúrgico somente com a sua prescrição médica atual.
TODO O PRONTUÁRIO DO PACIENTE

(D) Conduzir o paciente ao centro cirúrgico preferencialmente deambulando, a fim de promover uma maior tranquilidade e ativar a circulação sanguínea.
PACIENTE DEVE SER ENCAMINHADO DE MACA OU CADEIRA DE RODAS

(E) Promover o conforto e a higiene oral para diminuir a ansiedade antes de encaminhar o paciente ao centro cirúrgico.
NÃO TEM COERENCIA ESTA ALTERNATIVA

33. O paciente cirúrgico preocupa-se com o procedimento anestésico, com o ato cirúrgico e também com sua recuperação durante o pós-operatório. Em relação ao período trans-operatório, é CORRETO afirmar:
(A) Esse período é iniciado com a chegada do paciente à sala cirúrgica e finalizado nas primeiras 12 e 24 horas que sucedem o ato cirúrgico.
(B) Esse período é iniciado com a entrada do paciente no Centro Cirúrgico e finalizado com a sua admissão na sala de recuperação pós-anestésica.
(C) Esse período é iniciado com a entrada do paciente na sala cirúrgica e estendido até a sua alta da sala de recuperação pós-anestésica.
CORRETO
(D) Esse período é iniciado com a internação do paciente em uma unidade cirúrgica e finalizado com a sua alta hospitalar.
(E) Esse período é iniciado com a admissão do paciente na clínica cirúrgica e finalizado na sala de recuperação pós-anestésica.


34. A degermação (ou escovação) cirúrgica consiste em uma lavagem das mãos (área nobre), do punho, dos antebraços até o cotovelo, com a finalidade de:
(A) Remover mecanicamente todos os microorganismos da pele (mãos, antebraços e cotovelos), a fim de prevenir a contaminação da ferida operatória.
NUNCA SE REMOVE TUDO

(B) Prevenir a contaminação do campo operatório no ato cirúrgico com o auxílio do uso de roupas, luvas e materiais estéreis.
CORRETO

(C) Remover a flora residente, que é constituída por microorganismos localizados nas unhas, na região subungueal e nas dobras da pele, os quais são de difícil remoção.
A FLORA RESIDENTE FICA NAS AREAS PROFUNDAS DA PELE

(D) Remover a flora bacteriana transitória, que é constituída por microorganismos localizados nos folículos pilosos e nas glândulas sebáceas, os quais são de fácil remoção.
ESTE E FLORA RESIDENTE

(E) A duração do procedimento da degermação cirúrgica compreende de 10 a 15 minutos na primeira cirurgia e de 5 a 10 minutos para as cirurgias subsequentes.
INCORRETO 5 MINUTOS AS PRIMEIRAS E 2 AS OUTRAS


35. Durante o processo de descontaminação e esterilização dos materiais e instrumentais, os profissionais devem seguir uma sequência para o processamento dos mesmos. Assinale abaixo a sequência CORRETA desse procedimento.
(A) Limpeza do instrumental, imersão em solução de hipoclorito a 2% por 45 minutos, enxágue, secagem, empacotamento e esterilização.
(B) Lavagem do instrumental com água e sabão, álcool a 70%, secagem e empacotamento.
(C) Limpeza do instrumental, imersão em detergente enzimático, secagem, empacotamento e esterilização.
(D) Imersão do instrumental com água e sabão, enxágue, secagem, empacotamento e esterilização.
(E) Imersão do instrumental em detergente enzimático, limpeza, enxágue, secagem, empacotamento e esterilização.
CORRETO LETRA E


36. Na Lei do Exercício Profissional 7.498/86 e no Decreto 94.406/86, estão determinadas as incumbências a todo o pessoal de Enfermagem, dentre elas, está a de anotar, no prontuário do paciente, as atividades da assistência de Enfermagem, para fins estatísticos. Assim, assinale a opção INCORRETA.
(A) É proibido assinar as ações de Enfermagem que não executou, bem como permitir que outro profissional assine as que executou.
CORRETO CONFORME O CODICO DE ETICA
(B) As Anotações de Enfermagem devem ser claras, objetivas e livres de julgamento.
CORRETO

(C) As Anotações de Enfermagem, no prontuário do paciente, quando rasuradas, devem ser corrigidas com o uso de corretivo.
NÃO SE PODE USAR CORRETIVO EM CASO DE ERRO, COLOCAR DIGO, SEM EFEITO

(D) A utilização dos seguintes sinais gráficos, na anotação de enfermagem, significa: (/) – para checar quando a ação foi realizada e o circular (O) – para assinalar o horário em que a ação prescrita não foi realizada.
CORRETP

(E) A evolução de enfermagem no prontuário do paciente é uma atividade privativa do enfermeiro.
CORRETO, CONFORME O CODICO DE ETICA

37. A administração de sangue e de hemoderivados exige do técnico de enfermagem conhecimento de técnicas. Dentre os cuidados de enfermagem relacionados à hemotransfusão, assinale a opção INCORRETA.

(A) O período máximo para administrar hemocomponentes é de quatro horas de infusão.
CORRETO
(B) A bolsa de hemocomponente pode ser colocada debaixo da torneira para atingir a temperatura ambiente antes de ser infundida no paciente
NUNCA, ISSO PODE LEVAR A HEMOLISE DAS HEMACIAS, A BOLSA DEVE SER COLOCADA EM UMA BANCADA ATÉ ATINGIR A TEMPERATUDA AMBIENTE.

(C) A troca do equipamento de transfusão é recomendada a cada unidade de sangue transfundida, objetivando diminuir o risco de contaminação bacteriana.
(D) O técnico de enfermagem, quando suspeitar de uma reação transfusional, deve suspender imediatamente a transfusão.
(E) A bolsa de hemocomponente não deve receber a adição de qualquer tipo de medicamento ou solução.


38. A Srª E.O.G, de 60 anos, foi a óbito de infarto agudo do miocárdio. Os orifícios que devem ser primeiramente tamponados pelo técnico de enfermagem são:
(A) Nariz, ouvidos, boca e ânus.
(B) Nariz e boca.
(C) Nariz, boca e ânus.
(D) Nariz e ânus.
(E) Nariz, ouvidos, boca, vagina e ânus.
ESTA QUESTÃO DEVE SER NULA OU TROCA DE GABARITO PARA A ALTERNATIVA B, POIS A PALAVRA PRIMEIRAMENTE, ALTERA A RESPOSTA



39. Quanto à administração de medicamento via intramuscular (IM) em crianças, é INCORRETO afirmar:
(A) A região deltoide é contra-indicada em crianças menores de 10 anos de idade.
CORRETO
(B) A região dorsoglútea é contra-indicada para crianças menores de 02 anos de idade.
CORRETO
(C) A região do músculo vasto lateral é contra-indicada para aplicação de injeção IM em crianças em geral, face à dificuldade de acesso e à presença de nervos e vasos sanguíneos importantes no local.
INCORRETO ESTA VIA É A PREFERENCIAL PARA AS CRINAÇAS E NÃO HÁ RISCO DE LESAR NERVOS

(D) A região ventro-glútea é preferível para adultos e crianças , incluindo bebês.
CORRETO
(E) As preparações para administração intramuscular podem apresentar-se na forma de soluções aquosas, soluções oleosas e suspensões.
CORRETO

40. O Sr. K.B.V, de 60 anos, portador de Diabetes Mellitus, foi internado na clínica médica de um hospital municipal, para tratamento clínico. Conforme a prescrição médica, ele faz uso de insulina há 2 semanas. A equipe de enfermagem, ao administrar a medicação de insulina por via subcutânea, precisa tomar alguns cuidados antes de injetar a medicação. No que se refere a esses cuidados, é CORRETO afirmar:
I. O rodízio no local da injeção, na administração de insulina, é indicado para evitar a lipodistrofia e Lipohipertrofia;
CORRETO
II. A insulina por via subcutânea é administrada quando não necessita ser absorvida rapidamente;
CORRETO
III. Os locais de aplicação de insulina são abdômen e coxa, excetuando-se as regiões das nádegas e do braço;
INCORRETO NÃO SE EXCETUA O BRAÇO E AS NADEGAS
IV. As doses administradas por via subcutânea variam de 0,5 a 1mL de solução, porque o tecido não suporta grandes volumes de medicamentos.
CORRETO DEVIDO A PROPROA VIA SUBCUTANEA
Assinale a opção CORRETA.
(A) Somente as afirmativas I e II estão corretas.
(B) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.
(C) Somente as afirmativas I, III estão corretas.
(D) Somente as afirmativas I, II e IV estão corretas.
(E) Todas as afirmativas estão corretas.

Um comentário:

  1. boa noite lorena vou fazer concursos para o estado do rl gostaria de alguma dica sobre sus

    ResponderExcluir

agradeço o comentario construa esse blog junto a mim